Home » Brasil

Características do Cerrado brasileiro

Um dos maiores biomas brasileiros, o Cerrado possui características bastante peculiares. Saiba mais sobre seu clima, fauna e flora.

Cerrado Brasileiro

O Cerrado é considerado o segundo maior bioma brasileiro, ocupando cerca de dois milhões de quilômetros, o equivalente a quinze estados, pelos quais se espalha, prevalecendo diferentes tipos de vegetação e animais de várias espécies, como mamíferos, aves, répteis e tipos diferentes de anuros. Atualmente, percebe-se através de dados geográficos que este bioma vem perdendo seu espaço devido aos focos constantes de incêndio que se dão nos períodos muito quentes, período este o qual este bioma reúne grandes quantidades de vegetação seca, se tornando assim um foco apropriado para a queima e devastação.

Clima do Cerrado Brasileiro

Anoitecer no Cerrado Brasileiro

O clima que predomina a região é tropical sazonal, com períodos de muito calor e períodos de frio, ou seja, durante as estações de primavera e verão, é comum que a região atinja a temperaturas acima de quarenta graus Celsius, e durante as estações frias de outono e inverno a temperatura pode ir a baixo de zero, principalmente a noite. É comum que em determinados períodos do ano, o Cerrado apresente neblina durante as manhãs, o que proporciona a umidade ao solo, devido à formação de orvalhos nas plantas, podendo correr o risco de geadas imprevisíveis.

Vegetação do Cerrado Brasileiro

Ipê amarelo do cerrado

A vegetação na região se dá pelas plantas de raízes profundas, que atingem determinada parte úmida do solo, podendo assim se manter sempre vivo e aparentemente fértil, sendo assim, não são todos os tipos de sementes de plantas que se adaptam, mas sim as que são equivalentes com o clima da região. Atualmente, os dados geográficos apresentam uma quantidade incrível de espécimes de plantas e animais que vivem na região, devido a sua combinação dos tipos de vegetação da savana, florestais e campestres, reunindo assim plantas como: Barbatimão, sucupira, pau santo, araçá, catuaba, buriti, gabiroba, pequizeiro, indaiá, capim flecha e pau terra.

Fauna do Cerrado Brasileiro

Tucano

A região possui mais de três mil espécies de animais, podendo ser encontrados nos arredores dos parques ambientais para a admiração do público, contribuindo para uma variedade de animais na região. Algumas espécies já se encontram ameaçadas de extinção, uma quantidade de pelo menos sessenta e cinco espécies que estão ameaçadas, devido a principalmente focos de incêndio, e apropriação de território por parte dos produtores de soja. Algumas espécies que podem ser encontrados atualmente são: onça pintada, lobo guará, águia cinzenta, cachorro do mato, beija-flor tesoura, tamanduá bandeira, sagui, jabuti, jararaca, cascavel, cobra coral, gambá, peba, jaguarundi, quero-quero, calango, catingueiro e veado materio.

Os parques ecológicos foram criados principalmente para preservar o bioma do Cerrado, já que este é um dos biomas apresentados pelo Brasil, sendo o segundo maior apresentado em território nacional. Os focos de incêndio ainda são fatores preocupantes, já que a cada ano este bioma perde um pouco de si, com os fortes raios solares que em contato com a vegetação seca entra em combustão, se tornando assim, um fator perigoso para o bioma, para a vegetação e principalmente para os animais que não podem escapar para terrenos vizinhos, devido a quantidade de arames.

Veja mais informações sobre o Cerrado no vídeo a seguir.

Tags: ,
Publicado por Guilherme
Revisado em 31/10/2013

Compartilhar