Home »
Warning: Use of undefined constant multiple - assumed 'multiple' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/blogcamp/public_html/wp-content/themes/k180928/templates/content-single.php on line 3
Religião

A religião dos muçulmanos

Com crenças fortes e imponentes como a peregrinação à Meca, o Islamismo possui mais de 1 bilhão de seguidores no mundo todo.

muçulmanoUma das religiões mais antigas do mundo, a religião do povo muçulmano tem uma tradição milenar, sendo atualmente uma das maiores religiões, em termos de fiéis, do mundo. Conhecidos pelo ardor de suas crenças, sua fé e seus ritos tradicionais e rigorosos, é sem dúvidas uma das religiões mais belas do mundo. Sendo a religião predominante no oriente médio e em certas regiões do oriente, principalmente na Índia, e em pontos da África. Conheça mais sobre essa grande religião e sobre seus costumes e crenças.

A religião dos muçulmanos história

alcorão sec xviiA primeira coisa a se ter em mente ao se tratar desse assunto, é que a palavra “muçulmano” é uma referência aos adeptos de uma religião, não à religião em si. A religião da qual os muçulmanos são adeptos chama-se Islamismo. O Islamismo é uma religião tão antiga quanto o judaísmo. Na verdade, muitos adeptos defendem que o judaísmo e posteriormente o cristianismo, assim como o islamismo, nasceram da mesma fonte, sendo que em algum momento as demais doutrinas se desvincularam da verdade, se corrompendo, e apenas o Islã continuou fiel a fé verdadeira.

A filosofia do Islã prega a existência de um único Deus, e tem seus fundamentos calçados em seu livro sagrado, o Corão e também no livro escrito por Maomé, tido por eles como o profeta maior de Deus. Assim como o cristianismo, o islã possui muitas denominações, sendo elas independentes e com sua própria interpretação das escrituras. As predominantes no mundo são a sunista e a xiista. Suas crenças giram em torno da criação universal por Deus, sendo Ele o criador de tudo o que existe e o único digno de louvor, além da crença em anjos, em profetas e no dia do julgamento.

A religião muçulmana e os conflitos com outras culturas

cristianismo e islamismoUma das características mais fortes do islamismo é seu fervor. Seus adeptos mais que de qualquer outra religião, são bastantes firmes naquilo que crêem, e, deste modo, apresentam-se focados em tudo o que fazem nela. Tanto que muitos estados políticos são guiados pelo islamismo. Infelizmente, dessa postura nasce muitas vezes uma grande inflexibilidade quando o assunto é interagir com pessoas de fés diferentes ou outras culturas, motivo pelo qual muitos sociólogos se referem ao islamismo como um religião bastante fechada.

Disso, desprenderam-se, ao longo da história, muitos conflitos, algumas guerras que já duram inclusive séculos. Essa solidez de fé faz com que os muçulmanos se diferenciem em qualquer lugar do mundo, pois conservam seus ideais de fé.

A religião muçulmana no Brasil

islamismo bandeira do BrasilOs ideais islâmicos foram difundidos em todo mundo ao longos dos últimos séculos, e, como não poderia deixar de ser, acabaram chegando ao Brasil, e hoje nosso país concentra uma das maiores populações muçulmanas do mundo.

Em geral eles conservam o mesmo estilo e modelo de vida que os fieis das regiões originárias da crença no oriente médio, sofrendo, naturalmente, as mudanças derivadas das divergências e peculiaridades culturais de cada país. A população muçulmana está espalhada por todo o país, com grande concentração no sul brasileiro.

Crianças com trajes islâmicos

Como é possível visualizar, cada país ou povo possui sua própria cultura, essa tradição é criada por meio dos costumes que são adotados pela população, fazendo com que tais hábitos sejam repassados e se tornem marca registradas de uma nação ou até mesmo de parte de um grupo de pessoas, conseguindo identificar determinadas características e, normalmente, enquadrar uma pessoa em alguma das culturas já conhecidas, pois hábitos são repassados e com a grande fonte de informação, é possível obter acesso aos mesmos.

Os muçulmanos possuem uma religião própria, esta é conhecida como Islamismo, ainda que mesmo que poucas pessoas saibam suas características específicas, a mesma vem crescendo constantemente, tornando-se a segunda maior do mundo, presente em diferentes continentes pela presença dos muçulmanos em vários locais. Em relação à religião islâmica, ela é dividida entre os sunitas e os xiitas, ambas as diretrizes cultivam a mesma crença monoteísta, ou seja, acreditam em um só deus, que no caso é Alá. A religião foi criada por Maomé, sendo possível encontrar a crença dos muçulmanos em livros sagrados conhecidos como Alcorão ou Corão.

A história da religião dos muçulmanos

Alcorão

A fundação da religião dos muçulmanos deu-se na atual Arábia Saudita, o Islamismo surgiu no século 6, no Oriente Médio, na época o mesmo habitava cerca de 5 milhões de pessoas, fazendo com que grande parte destes moradores passassem da tradição cristã, que era muito disseminada, para seguirem o profeta Maomé.

Maomé, chamado de Muhammad pelos muçulmanos, tornou-se um condutor de caravanas, fazendo com que este passasse a conhecer todas as características do cristianismo, até mesmo por sua convivência com outras pessoas, fazendo com que o mesmo passasse a dedicar sua vida ao cultivo espiritual, possuindo visões divinas que deviam ser divulgadas. Com as primeiras divulgações das visões de Maomé, surgiu o Islamismo, fazendo com que aos poucos o mesmo fosse disseminado e adotado por grande parte da população local que passou a acreditar no profeta.

Conflitos da religião muçulmana com outras culturas

Cidade de Meca

O Islamismo enfrenta muita cultuas em questão de conflitos, uma delas é o judaísmo, as crenças adotadas pelos muçulmanos são advindas de muitas doutrinas dos próprios judeus, porém suas brigas e confrontos ocorrem frequentemente por conta da conquista de territórios, a população que segue o Islamismo e aquela que segue o judaísmo estão em frequente batalha pela conquista de Jerusalém, além de envolver outros aspectos políticos, históricos e culturais.

Quanto ao Islamismo e cristianismo, os conflitos são dados pelo crescimento populacional de muçulmanos, ressurgimento das crenças ditadas por Maomé, ressentimento dos muçulmanos em questão dos países do Ocidente que desejam manter sua superioridade, colapso do comunismo e crescentes contatos que acabaram por influenciar na batalha das duas religiões.

A religião muçulmana no Brasil

Mesquita islâmica

No Brasil há muitos muçulmanos que são crentes no Islamismo, sendo que, em números, é possível afirmar que há 27,3 mil muçulmanos ao todo, cultivando suas crenças e fé.

Cada cultura é diferenciada, o Islamismo possui suas próprias crenças e características que foram ditadas há anos por Maomé e até hoje são cultivadas, somente crescendo cada vez mais e adquirindo mais adeptos, com sua presença até mesmo no Brasil. Choques culturais com outras religiões são comuns, até mesmo por aspectos que não são semelhantes entre as mesmas.

Conheça mais a respeito do Islamismo com o vídeo a seguir.

Tags: ,
Publicado por Andre
Revisado em 07/11/2013

Compartilhar